Qual é a rotina de um profissional de testes?

Antes dos sistemas chegarem até o seu consumidor final, eles passam por um processo de testes. Esse trabalho de análise é feito por um profissional e tem a finalidade de garantir a melhor experiência para os usuários. Vamos conhecer um pouco mais sobre a rotina de um profissional de testes?

 

O que faz um profissional de testes?

Também conhecidos como testers, eles têm como função fazer o planejamento e as validações em softwares para atestar que tudo se encontra funcionando plenamente.

Em outras palavras, são os profissionais de testes que verificam se os produtos possuem alguma falha antes de liberar o sistema para a fase posterior, ou seja, a fase de produção.

Faz parte da rotina dos testers avaliar vários tipos de sistemas como sites, dispositivos, aplicativos e jogos. Dessa forma, tudo aquilo que processa e armazena informações é objeto de trabalho desses profissionais.

Após análise e identificação de supostos problemas, os profissionais de teste fazem um comunicado para os interessados e destacam a necessidade de melhorias nos produtos analisados, bem como a avaliação sobre o desempenho do software.

 

Habilidades importantes para um profissional de testes

Um bom profissional de testes precisar ter um senso técnico apurado para indicar e opinar sobre a criação dos softwares. Eles podem fazer parte, inclusive, do desenvolvimento de novos programas.

Dentre as atribuições dos profissionais, ainda estão a validação de produtos novos e até mesmo a simples verificação de rotina de um produto já existente.

Independente da ação que executam, uma coisa é certa: o profissional de testes deve ter muita responsabilidade e atenção. Afinal, um pequeno deslize pode gerar erro nas funcionalidades, no layout e até mesmo na instalação dos sistemas nos dispositivos. Assim, a intenção é validar os softwares e garantir que estejam seguros e confiáveis.

Nesse sentido, é muito importante que o profissional que atua diretamente com testes tenha capacidade analítica e perfil detalhista. Em outras palavras, os testers são “detetives” que buscam as soluções mais adequadas para os diversos erros encontrados.

A formação básica desse profissional inclui o conhecimento sobre banco de dados SQL e HTML. Entretanto, o profissional de testes não precisa necessariamente de uma formação em programação, embora a noção de linguagens facilite a identificação mais rápida de alguns problemas.

 

Atividades da rotina de um profissional de testes

Dentre as principais atribuições cotidianas desse profissional, podemos citar:

  • Detecção de falhas;
  • Execução de diversos tipos de testes que avaliam funcionalidade, estrutura, desempenho, estresse e outras características dos sistemas;
  • Atuação em conjuntos com as equipes de suporte e com os desenvolvedores;
  • Compreensão e visão de negócio;
  • Contato com usuários e avaliação do projeto;
  • Execução de diversos tipos de testes (automatizados e manuais);
  • Apresentação de conclusões e resultados para os clientes e para os desenvolvedores;
  • Responsabilidade por todo o processo de testes com a finalidade de garantir qualidade dos produtos.

Os testers também podem conduzir ações como a inserção de informações erradas para posterior análise sobre a resposta do sistema ao erro. Ao fim dos testes, os profissionais realizam relatórios listando os possíveis problemas

detectados e comunicam para os responsáveis pelo desenvolvimento do projeto.

 

Por que os testes são importantes?

Em suma, os testes são importantes simplesmente porque os erros existem. Sejam eles executados pelas máquinas ou por meio das ações humanas.

Portanto, nada mais necessário que revisar e testar com a finalidade de avaliar cada pequeno detalhe e evitar erros.

Dentro de um projeto, a fase de teste é uma das prioritárias. Afinal, é ela que auxilia os métodos e processos, bem como as alternativas para melhoramento dos produtos.

Mesmo com todos esses benefícios, algumas empresas ainda resistem em sistematizar um setor direcionado para a realização de testes e avaliam essa atividade como um custo adicional e não como um investimento.

Nesse sentido, a realização de teste é muito importante para a detecção de erros e também para analisar se os requisitos de qualidade que a sua empresa deseja estão sendo atendidos.

O cumprimento de todas as fases do projeto é determinante para um resultado positivo. Assim, um acompanhamento cuidadoso feito pelos profissionais de testes é um marcador de possível qualidade do produto.

E qualidade dos produtos é sinônimo de mais vendas e de cliente satisfeito, não é mesmo? O resultado do investimento é um retorno financeiro e de reputação para a sua empresa.

 

Considerações finais

Todos os dias, uma verdadeira enxurrada de novas aplicações é disponibilizada no mercado. Assim, os testers têm cada vez mais espaço e importância dentro de um setor em constante expansão.

Responsáveis por fazer com que os produtos tenham a qualidade desejada, esses profissionais evitam que erros possam chegar até o usuário final.

Por fim, ressaltamos a importância da rotina dos profissionais de testes para bons resultados em projetos. Eles são essenciais em todas as etapas do projeto tanto para evitar prejuízos, quanto para fazer a sua organização alcançar o sucesso e a excelência no mercado. Quer saber mais sobre qualidade de software? Acesse o nosso blog.

 

CompartilharShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *
Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>