Recuperando usuário que desinstalou seu aplicativo

Quando o número de downloads de um app não é mais o grande desafio, o que sobra? Manter os usuários conquistados e essa não é uma tarefa nada fácil! Mas como fazer para recuperar aquele usuário que desinstalou o aplicativo?

O mundo dos smartphones é extremamente dinâmico e o número de apps não para de crescer. Ganhar notabilidade e manter os usuários engajados é o que os desenvolvedores estão atrás. Contudo, quando os aplicativos falham em alcançar as crescentes expectativas dos usuários, isso resulta na exclusão do mesmo.

Curioso para saber como recuperar o usuário? Continue lendo esse texto e descubra!

 

Dados para ficar de olho

Aplicativo desinstalado é o mesmo que dinheiro perdido, não importa qual a principal fonte de receita dele. Quase 1 a cada 2 aplicativos baixados terminam sendo excluídos em até 30 dias. Em especial o Brasil, que é o segundo país que mais desinstala aplicativos no Android, algo em torno de 31,5%.

Contudo, nem todas as estatísticas são negativas. Cerca de 40% dos usuários reinstalam os aplicativos depois de excluir e muito disso tem a ver com a familiaridade. Com ênfase nas categorias estilo de vida, social e jogos, podemos traçar o ato de voltar a instalar ao apelo social.

Esse é um gatilho que gira em torno do meio social que o indivíduo frequenta. Um nicho social usa determinado app, logo, todos aqueles que também frequentam tendem a utilizá-lo também.

Não somente. Estilo de vida e status também influencia. Basta pensar nos aplicativos de namoro, onde é comum uma utilização sazonal.

Sendo assim, é importante entender como os seus usuários utilizam os aplicativos a fim de fazê-los reinstalá-los.

Princípios para a melhor experiência do usuário online;

 

Entendo o ciclo de vida de um aplicativo

Existem 5 etapas importantes no ciclo de vida do aplicativo, o AARRR (aquisição, ativação, retenção, recomendação e receita). Entenda o que significa:

  • Aquisição: lançamento e distribuição do aplicativo;
  • Ativação: investimento em marketing e crescimento da base de usuários;
  • Retenção: definição de estratégias para retenção do usuário a longo prazo;
  • Recomendação: quando os usuários satisfeitos passam a recomendar o uso do aplicativo a conhecidos e familiares, aumentando organicamente a base de usuários;
  • Receita: medição da rentabilidade do aplicativo, independente da sua fonte de receita (loja interna, site de origem, anúncios). A receita também pode ser avaliada de outra maneira, como visibilidade de marca por exemplo. Isso dependerá do objetivo do app.

Por que é importante entender isso? Porque, muitas vezes o problema está justamente na etapa de retenção, desafiando desenvolvedores e equipes de mobile marketing. Dentre os principais motivos pelo qual o usuário desistiu do aplicativo estão:

  • Interface pouco intuitiva

Passar vários minutos à procura de uma função específica é algo que desestimula os usuários a continuar engajando com o aplicativo. Não só porque é uma verdadeira perda de tempo, como também uma grande fonte de frustração.

  • Erros inesperados

Um aplicativo que trava frequentemente ou mesmo fecha sem um motivo aparente é outro motivo pelo quais os usuários desistem de utilizá-lo.

  • Lentidão

Em um mundo cada vez mais rápido, ninguém gosta de esperar pelo funcionamento de um aplicativo, certo?

  • Excesso de notificações

Notificações push podem ser bastante úteis em fazer o usuário engajar com o aplicativo, contudo, quando em excesso, podem ser o motivo da desinstalação.

Importante ressaltar que os principais motivos de desistência referem-se à qualidade do aplicativo. Executar uma boa cobertura de testes é fundamental, sejam estes funcionais (para eliminar erros), não funcionais (lentidão), ou testes de usabilidade (interface pouco intuitiva, excesso de notificações).

Agora que você já sabe sobre os principais motivos que levam um usuário a desistir de um aplicativo, falaremos sobre como recuperá-lo.

Como testar a acessibilidade digital do seu site;

 

COMO RECUPERAR UM USUÁRIO

1# MELHORE A QUALIDADE

Antes de tentar recuperar um usuário, reveja os padrões de qualidade do aplicativo. Se um usuário retornar e verificar que os problemas encontrados foram sanados, sem dúvida ele ficará mais propenso a continuar utilizando.

Se ele achar que nada mudou, será muito mais difícil retê-lo.

 

2# MAPEAR OS HÁBITOS

O próximo passo é entender o que leva o usuário a desinstalar e voltar para o aplicativo. Algumas das perguntas relevantes para esse ponto são:

  • O que o interessa naquele determinado período que o fez voltar a usar?
  • Qual a rotina dele dentro do aplicativo?
  • O que gera satisfação a esse usuário?

Entender esses 3 pontos fará com que entender o usuário e seus hábitos seja muito mais fácil, também contribuindo para arquitetar um aplicativo que gere maior engajamento e retenção.

 

3# ESCUTE SEUS USUÁRIOS

Recebeu um review ruim? Não hesite em responder ao seu usuário e tentar aprender com aquela experiência. Essa interação não só demonstrará que os desenvolvedores querem aprender com os próprios erros como fará com que o indivíduo se sinta valorizado.

Essas críticas apontam onde a experiência do usuário pode ser melhorada. Sendo assim, é importante ter o mindset de melhoria constante.

 

4# USE NOTIFICAÇÕES DE FORMA INTELIGENTE

Falamos anteriormente que notificações podem levar a desinstalações. Contudo, isso não é uma regra e, caso essa ferramenta seja utilizada de forma inteligente, pode ter o resultado contrário, promovendo maior engajamento.

Mais uma vez, entender o usuário fará toda a diferença!

Como aumentar a taxa de conversão do usuário de app?

 

5# EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO EM PRIMEIRO LUGAR

Também conhecida como UX, a experiência do usuário deve ser a principal preocupação de qualquer desenvolvedor e, isso vai muito além de um design bonito. Sendo assim, testar esse requisito se faz fundamental!

Esses testes permitem mapear todos os pontos de melhoria, alcançando uma experiência mais próxima ao que o usuário deseja. Os resultados dessa etapa são importantes para criar o ambiente perfeito para a função do aplicativo.

 

Seu aplicativo está com alta taxa de desinstalação? Siga essas dicas e nos diga o que aconteceu! Para mais conteúdo como esse, acompanhe o nosso blog. 😀

CompartilharShare on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someone

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *
Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>